[Resenha] Jovens de Elite - Marie Lu

Título original : The Young Elites
Gênero : Literatura norte-americana / Ficção / Fantasia
Editora : Rocco
Selo : Jovens Leitores
Lançamento : Fevereiro de 2016
Número de páginas : 302
Tradução : Rachel Agavino
ISBN : 97885579802638

Olá galera! Hoje trago para vocês a resenha do primeiro lançamento de 2016 que eu leio : Jovens de Elite. Esse livro é o primeiro de uma nova trilogia da premiada autora Marie Lu. Como vocês podem conferir na capa ela é autora da famosa trilogia Legend. Para quem não conhece essa trilogia, nós temos resenhas aqui no blog. A história se passa no final do século XIV, após uma praga, chamada de Praga do Sangue, ter se espalhado por Kennetra, país onde se desenrola a história. A doença se espalhou rapidamente pelas cidades, matando uma grande parcela da população. Como geralmente acontece com epidemias, a maioria dos jovens se curou, mas nesse caso, ficaram sequelas irreversíveis. Cabelos com cores incomuns, ou mais de uma cor, cicatrizes por todo o corpo foram as que acometeram a maioria. Esses jovens passaram a ser descriminados e segregados como um mau agouro, uma punição dos deuses, demônios enviados à Terra; sendo denominados mallfettos. Contudo alguns desses jovens desenvolveram habilidades fantásticas, poderes de todo o tipo e passaram a ser conhecidos como Jovens de Elite
"Alguns nos odeiam, pensam que somos fora da lei a serem pendurados na forca. Alguns nos temem, pensam que somos demônios a serem queimados na fogueira. Alguns nos adoram, pensam que somos filhos dos deuses. Mas todos nos conhecem. - Fonte desconhecida sobre os Jovens de Elite." Pág. 11

A protagonista é Adelina Amouteru; filha mais velha de uma família de comerciantes. Ela e sua irmã tiveram a doença e sobreviveram, sorte que sua mãe não teve e por causa disso faleceu. Elas ficaram à mercê do pai autoritário e ganancioso que planejava ganhar um bom dote com o casamento de suas filhas. Adelina teve uma complicação por conta da doença, resultando na perda do seu olho esquerdo, além de ficar com algumas cicatrizes e com o cabelo prateado. Sua irmã teve mais sorte e não ficou com nenhum indício de que teve a Praga. Adelina sofre maus tratos de seu pai, que a vê agora como uma mallfetto que não poderá conseguir retorno financeiro. Ele tenta despertar em Adelina através de torturas alguma indicação de que ela possa ter poderes, pelo menos para a entregar ao palácio real, que caça os mallfettos que os possuem. Adelina consegue fugir, mas após um acidente no percurso, ela é presa pela Inquisição Real. Um pouco antes do acidente, ela desperta seus poderes ocultos em uma onda de fúria. Adelina descobre conseguir criar ilusões, sejam físicas ou até mesmo psicológicas. Após alguns dias, ela é conduzida à praça pública para ser queimada na fogueira, entretanto um grupo de Jovens de Elite a resgata. Adelina se vê agora no esconderijo deles e é apresentada a cada um, que usam codinomes e fazem parte de um grupo que se autodenomina Sociedade dos Punhais. Cada um dos Punhais tem um poder específico; o líder deles pode controlar e evocar o fogo e é nada mais, nada menos do que o príncipe de Kennetra, Enzo. Adelina foi encontrada por Rafaelle, que pode sentir outros Jovens de Elite. Há ainda uma jovem que controla e evoca o vento, outro que tem uma força sobre humana e um que pode fabricar qualquer tipo de coisa somente com as mãos. Ao adentrar ao grupo cada um passou por um teste com Rafaelle que identifica quais emoções são o gatilho, a chave para controlar os poderes que possuem; e o teste de Adelina indica a paixão, a ganância, mas principalmente o medo e a raiva. Anos de tortura, segregação, inveja de sua irmã fizeram dela uma pessoa completamente sombria. 


"Eu sou Adelina Amouteru. Não pertenço a ninguém. Esta noite, juro me erguer acima de tudo o que você ensinou. Vou me tornar uma força que este mundo nunca conheceu. Terei tanto poder que ninguém ousará me machucar de novo." Adelina Amouteru, pág. 24 
Eu desejei este livro assim que soube do lançamento dele nos EUA. Virei fã de carteirinha da autora após ler a trilogia Legend. Fiquei extremamente feliz de comprovar que ela manteve o nível excelente de escrita e criatividade mesmo escrevendo algo tão diferente de sua trilogia antecessora. Ela nos revela segredos, e vai inserindo novos na medida certa. Os personagens continuam sendo seu ponto forte, muito bem construídos e desenvolvidos. Adelina me causou espanto, admiração e principalmente medo. Seu emocional é um turbilhão que alimenta sua raiva e seus poderes podem causar uma agonia no seu oponente enlouquecedora e fatal. Enzo é o típico líder, que causa respeito e absoluta confiança em seus comandados. Rafaelle é um sedutor nato, que usa de artimanhas sutis para conseguir seus objetivos. Não revelei mais nada após a entrada de Adelina nos Punhais, simplesmente pelo fato de a autora nos bombardear com informações cruciais, portanto sem spoilers. Garanto que são cenas repletas de revelações, planos, segredos, ação, romance que farão você devorar a história com o ávido desejo de querer mais. O livro traz um epílogo incrível, com novos personagens intrigantes e que serviu para multiplicar meu anseio pela continuação! O livro é narrado em capítulos alternados, a maioria pelo ponto de vista de Adelina, alguns por Rafaelle, e pelo líder da Inquisição Real, que guarda segredos terríveis. Foi um verdadeiro êxtase ler esse livro; eu gostaria muito de encontrar com a autora e dizer : I love you Marie Lu! Agradecer por nos proporcionar uma história tão instigante e avassaladora. 
"A paixão é brilhante e quente... mas também tem um lado sombrio. Ela se liga ao medo. Nossos corações se enchem de pavor à ideia de ver aqueles que amamos sendo feridos, não é? Não se pode amar sem ter medo. Os dois coexistem." Adelina Amouteru, pág. 280
Você que já conhece a autora, quais suas expectativas para essa nova trilogia e para este livro? Você que não conhece a autora, espero que você dê uma chance para essa história fantástica que te conquistará! Por hoje é só galera! ;)

6 comentários:

  1. Ótima resenha! Será a próxima leitura.

    ResponderExcluir
  2. Oi, Gustavo!
    Primeiramente: que fotos lindíssimas! hahaha
    Olha, desde que eu vi o lançamento desse livro, já botei na listinha, mas, infelizmente, lá ele continua :(
    Ainda quero muito ler, depois da sua resenha então, só aumentou a vontade!
    Não conheço a escrita da autora porque não cheguei a ler Legend, mas a proposta desse livro é simplesmente muito boa e promissora, e agora que você me diz que ela mantém o ritmo e os personagens são bem construídos e fortes... bem, você pegou no meu ponto fraco hahaha vou tentar comprar logo!
    Beijoss
    www.vidaemmarte.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Kathleen,
      Também gostei muito das fotos! :)
      Tem certeza que você gostará do livro! Sou muito fã da autora, e espero que você consiga ler logo! Com certeza o ponto mais forte do livro, são os personagens. A autora sabe desenvolver esse aspecto de forma extraordinária! Se tiver a chance de ler Legend, leia também, é incrível! Obrigado pelo comentário, volte sempre! Bjo...

      Excluir
  3. Ameeeeei o livro! Estou louca pela continuação 😢

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Tamires,
      Somos dois que amamos... tbem somos dois loucos pelo livro!

      Excluir

Gostou do post? Deixe seu comentário, dúvida ou sugestão! Volte sempre! :)

© Blog Leitura Virtual - Por Carol Mariotti - Todos os direitos reservado. Cópia proibida. Tecnologia do Blogger.