[Resenha] - A Filha do Norte - Luisa Soresini


Editora: Novo Século
Coleção: Talentos da Literatura Brasileira
Lançamento: 2015
Gênero: Ficção
Páginas: 494
ISBN: 978-85-428-0763-9

Michelle é uma jovem com um passado obscuro que gostaria de esquecer. Ela sabe que está sendo perseguida por uma criatura maligna, por isso vive fugindo na esperança de encontrar um lugar aonde possa ter uma vida de verdade. Quando ela chega à pequena vila de Mafaldi, rapidamente é acolhida por Elza e Meredith, as bruxas do Leste e do Sul, que mantêm sua identidade em segredo. Com o passar do tempo, todos na vila passam a adorar Michelle por sua bondade e logo as duas bruxas a estão tratando como se fosse da família.

Até que em uma noite qualquer, Meredith leva Michelle à floresta para ver as flores da Luna, muito raras e especiais. Mas o que era para ser um simples passeio acaba tornando-se um problema, pois durante uma tempestade inesperada, Michelle se perde na floresta. Caminhando sem rumo e tentando voltar para a vila, Michelle se depara com uma mansão imponente e sombria em meio à vegetação, o último lugar que alguém gostaria de se deparar nesta situação. Mas precisando de um abrigo, a jovem decide bater à porta e é recepcionada por uma mulher de aspecto sombrio. Ela logo convida Michelle para entrar e lhe diz que aquela mansão pertence aos irmãos Vergamini.
" Quando parei de cair, tentei focalizar onde eu estava e dei de cara com uma mansão enorme e antiga. [...] Ela era realmente bonita. Em seus tempos de glória com certeza deveria ser como um palácio. Era grande como um, porém, agora a fachada não estava branca e os jardins da frente estavam crescendo desordenadamente. Mesmo assim, a mansão era imponente, o que a tornava meio assustadora."

Os irmãos Vergamini logo apresentam-se à garota e permitem que ela passe a noite na mansão antes de tentar voltar à vila Mafaldi. Michelle, ainda que desconfiada do modo sedutor daqueles sete lindos irmãos, aceita o convite. Mas o que ela não sabe é que nenhum deles têm a intenção de deixá-la partir. Há muito tempo sob uma maldição, os irmãos tornaram-se criaturas sombrias com sede de sangue. E Michelle é o próximo alvo. A não ser que ela consiga ser mais esperta do que eles e despertar o lado bom há muito adormecido de cada um deles antes que seja tarde demais.

"A Filha do Norte" é o primeiro livro de uma série nacional encantadora! A autora Luisa Soresini criou um mundo todo que conquista desde a primeira página, com uma narrativa deliciosa e uma trama super original e criativa.

Os cenários criados emanam uma aura de mistério sem igual e são muito bem descritos, fáceis de imaginar. Com suas peculiaridades, cada cenário é um encanto à parte e mesmo os ambientes mais terríveis tornam-se fascinantes aos olhos do leitor. Muitos deles remetem aos contos de fadas que conhecemos desde a infância e isso, sem dúvidas, é um atrativo a mais.

Para este livro, todos os personagens merecem destaque. A autora deu forma a todos brilhantemente bem e, sejam eles vilões ou mocinhos, não há forma de odiá-los. À medida que suas histórias e sentimentos vão sendo expostos e passamos a conhecê-los melhor, é inevitável amá-los, ainda que a única coisa que tenham a nos oferecer sejam sentimentos de repulsa e desgosto. A Michelle é uma personagem que eu gostei bastante pela sua força de vontade. Ela tem um coração enorme e está completamente decidida a mudar a vida dos Vergamini e fazê-los enxergar o lado bom que eles nem sabem que pode existir dentro deles. E isso abre uma brecha para eu falar um pouquinho desses sete irmãos. 

O mais interessante em toda a história de vida dos Vergamini foi, sem dúvida, o jeito como eles lidavam consigo mesmos e o que os levou a ficar do jeito que eles ficaram. O livro é narrado por vários personagens, então você consegue captar bem a essência de cada um e compreender o que causou tal sentimento de ódio pela vida. Alguns mais amargurados, outros mais conformados, todos possuem os seus demônios, alguns apenas mais aflorados do que nos demais. E todos eles precisam aprender a lidar com isso. 


"Michelle estava nos mudando de dentro para fora e eu já não conseguia mais evitar isso. Ela estava me contagiando e me enchendo de vontade de viver."

A diagramação toda do livro também está perfeita. A capa está em total sincronia com toda a estória e emana todo o mistério que já encontramos por todas as páginas, além de ser maravilhosa. O livro não possui uma divisão precisa de capítulos, ou seja, ele é inteiramente um grande e único capítulo dividido em várias partes. Mas isso não atrapalha e nem torna a leitura cansativa e na minha opinião a leitura fluiu até mais rápido. Essas partes que formam o livro possuem um tamanho bem adequado e não fica explícito no começo de cada uma quem é o personagem a ser abordado, cabe ao leitor captar esta informação por meio da leitura. A coloração das páginas e o tamanho da fonte também colaboram. Basicamente, é uma obra perfeita com uma diagramação bem caprichada. Nada de pontos negativos. Luisa Soresini fez uma estreia perfeita na literatura nacional com "A Filha do Norte" e deixou muita coisa a ser revelada nos próximos livros que eu, como enorme fã que virei, torço com todas as minhas forças para que cheguem logo!

8 comentários:

  1. Aiiii que resenha lindaaa *--* Obrigada Marina!! <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Aiii fico super contente que tenha gostado!
      Você e os Vergamini merecem <3 <3

      Excluir
  2. Olá Marina!
    Curti! Só não vai para a lista de leituras por que ela ta meio grande e não estou querendo começar novas sagas. Adoro ver cada vez mais autores nacionais se destacando.
    Bjs

    EntreLinhas Fantásticas - Participe do nosso SORTEIO do DIA DO ORGULHO NERD

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Thalita!
      Minha lista também está bem grande, mas de vez em quando eu não resisto! Nunca tive tanto amor por nacionais como estou tendo agora, então sempre que surge algum novo para mim, eu aceito na hora rsrs
      Mas quando tiver a oportunidade, leia. É fantástico! E dá mais orgulho ainda saber que ele é nacional <3
      Beijos

      Excluir
  3. Oi, Marina!
    Fui obrigada a vir aqui conferir um pouco sobre Filha do Norte, depois daquele entrevista maravilhosa com a autora e com o Carl! Adorei muito a história, mesmo! Estou precisando de livros mais fantasiosos e com um toquezinho de suspense, medo... ai, quero! hahaha vai pra listinha, com certeza, ainda mais que é nacional e eu preciso apostar mais nas nossas obras <3
    Beijoss

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Kath! Fico imensamente feliz em saber que realmente se interessou por este livro nacional, que é fantástico! Sabe aquele livro que você termina de ler e fica horas lembrando da história, observando a capa que é maravilhosa, folheando de novo e querendo que esse sentimento não acabe nunca? Que você quer colecionar TUDO o que existe deste livro? HAHAHAHAHA
      É assim que me sinto.
      Leia sim, e depois vamos conversar sobre, tá???? *---*
      Beijos!

      Excluir
  4. Acabei de ler o livro, quando sai o segundo por favor?

    ResponderExcluir
  5. Acabei de ler o livro, quando sai o segundo por favor?

    ResponderExcluir

Gostou do post? Deixe seu comentário, dúvida ou sugestão! Volte sempre! :)

© Blog Leitura Virtual - Por Carol Mariotti - Todos os direitos reservado. Cópia proibida. Tecnologia do Blogger.