[Resenha] - Six of Crows - Leigh Bardugo

Sub - título : sangue e mentiras
Editora : Gutenberg
Série : Six of Crows livro I
Gênero : Fantasia / Jovem Adulto
Lançamento : 06/2016
Número de Páginas : 376
Tradução : Eric Novello
ISBN : 9788582353820




Quem aqui conhece o universo Grisha? Criado pela autora Leigh Bardugo, os grishas são pessoas que nascem com dons especiais : controle do ar, da água, do fogo, do corpo humano, da luz e até mesmo da escuridão. E nesse universo, os grishas são nascidos em Ravka, um país inspirado na Rússia medieval. Mas eles são tratados como mercadorias, escravos e moeda de troca nos países vizinhos a Ravka. O tráfico de grishas é mais acentuado em Kerch. Um país controlado pelos mercantis. Um país onde a negociata, tramas, golpes e os estabelecimentos de tudo que se pode negociar reinam soberanos. Na capital Ketterdam, tudo pode ser comprado pelo preço certo. Gangues disputam territórios que lhe tragam vantagens escusas. E ninguém é melhor negociador e trapaceiro que Kaz Brekker. Criado nas ruas e becos de Ketterdam, ele aprendeu a sempre ter uma carta na manga e a não confiar em ninguém. Dono do famoso Clube do Corvo. São suas características peculiares e fama que fazem com que Kaz seja contratado para algo que somente ele pode realizar : um roubo impossível. Invadir uma fortaleza de gelo num país extremamente forte militarmente; e trazer um cientista que criou uma droga que potencializa os poderes grisha a níveis inimagináveis. 



“Nossas esperanças estão com você, senhor Brekker. Se falhar, o mundo todo vai sofrer.”“Ah, é pior que isso, Van Eck. Se eu falhar, não serei pago.”


Mas para realizar tal façanha, Kaz precisa de ajuda. E ele reúne uma equipe nada convencional : uma espiã esquia e sorrateira, Inej conhecida como Espectro; um estudante que se perdeu nos becos de Ketterdam e se tornou um viciado em jogos de azar e um exímio atirador, Jasper. Um prisioneiro traído, que possui um índole perfeita, Mattias; uma grisha bela e de personalidade forte, Nina. E um inesperado perito em explosivos, Willian. Juntos eles precisam conseguir cumpri sua missão para que o mundo não mergulhe em caos, com grishas superpoderosos destruindo a tudo e todos, além é claro de uma pequena fortuna prometida como prêmio. O livro é narrado pelo ponto de vista dos seis personagens, e ao longo da história conhecemos melhor a personalidade de cada um. A missão de captura do cientista é o maior desafio da vida de cada um. Os boatos sobre a fortaleza de gelo ser impenetrável se mostra verdadeira, contudo nada que Kaz não consiga resolver magistralmente.


Kaz se recostou. “Qual é o jeito mais fácil de roubar a carteira de um homem?”“Faca na garganta?” perguntou Inej.“Pistola nas costas?” disse Jesper.“Veneno na bebida?” sugeriu Nina.“Vocês são todos horríveis”, disse Matthias.

A primeira vista eu pensei que o fato do livro ser narrado pelo ponto de vista de vários personagens poderia ser um ponto negativo, mas tenho que confessar que foi o contrário. A autora soube criar e desenvolver seus personagens de uma forma cativante. É quase impossível não se afeiçoar a todo o grupo, menos talvez na minha opnião a Mattias ( ele é bem irritante e chato as vezes! kk). Inej e Nina são arrebatadoras. Elas conquistam o leitor facilmente. Kaz é o típico anti - herói! Suas ações são completamente descabidas e revoltantes, mas não conseguimos torcer contra ele! O universo grisha foi muito bem expandido e trabalhado, nos dando uma visão ampla de como cada país tratam essas pessoas. Foi uma grata surpresa esse livro, afinal a autora escreveu uma trilogia anterior no mesmo universo, que não agradou muito. A escrita, a trama, os personagens, enfim, a autora evoluiu em todos os quesitos, chegando ao ponto de duvidarmos se foi a mesma pessoa que escreveu ambas as séries! rsrsrsrs... Essa é uma duologia, o segundo livro, "Crooked Kingdon" já foi lançado pela Gutenberg. Uma dúvida que muitos tem ao saber de Six é se é necessário ler a trilogia anterior. NÃO! Não é preciso! Você pode ler, que vai entender tranquilamente o universo criado pela autora. As páginas finais foram de uma crueldade sem tamanho! Como esperar pela continuação? Rsrsrs...

"Havia um ditado suli que dizia: O coração é uma flecha. Precisa de mira para pousar no lugar certo."

Nenhum comentário

Gostou do post? Deixe seu comentário, dúvida ou sugestão! Volte sempre! :)

© Blog Leitura Virtual - Por Carol Mariotti - Todos os direitos reservado. Cópia proibida. Tecnologia do Blogger.