TOP 10: Os melhores livros de 2017


Olá, leitores! Como é de praxe, aqui estamos nós novamente, no final de mais um ano, para falar das nossas leituras! Este é aquele momento em que paramos para pensar em tudo o que tivemos o prazer de ler no decorrer desses 365 dias e escolher os melhores, aqueles livros que de alguma forma nos tocaram, seja por sua escrita, por sua história incrível, por seus protagonistas, ou por tudo isso junto e muito mais. 




Os melhores do ano: Marina 

Somente um parêntese aqui antes de eu começar, minha lista possui muitos autores repetidos, sim. Autores que se tornaram ou já eram favoritos meus e como esse ano li muitos livros deles pelos quais me apaixonei, talvez - talvez!! - meu TOP 10 tenha ficado um tanto repetitivo nesse aspecto, mas enfim. Faz parte da vida, vamos em frente.  



10º lugar: Espero por você - Jennifer Armentrout

O décimo colocado na minha lista de 2017 foi um livro que chegou para mim por meio da parceria com a editora Novo Conceito e até então eu não conhecia nada desta autora, o que me surpreendeu muito, pois amei seu estilo de escrita. Com um romance +18, mas que não é ao mesmo tempo muito pesado, a autora narra a história de vida de Avery, uma jovem que está tentando fugir de um acontecimento perturbador de seu passado. Quando ela se muda para um cidade distante para cursar a faculdade, tudo o que quer é recomeçar sua vida, mas eis que surge em seu caminho Cameron Hamilton, talvez o seu maior empecilho, pois ele é tudo o que Avery mais deseja evitar. Basta agora saber se Avery terá coragem suficiente para esquecer o seu passado ou seguir seu caminho sem se render à paixão que inevitavelmente está surgindo entre eles. Para ler a resenha completa, clique AQUI.

09º lugar: O problema do para sempre - Jennifer Armentrout

Depois de me encantar pelo livro anterior dessa lista, eu acabei adquirindo este por minha conta - visto que virei fã da autora - e não consegui deixa-lo de fora dos meus melhores do ano também. Desta vez, e sem ligação com o livro que citei em 10º lugar, J. Lynn (como também é conhecida) nos conta a história de Mallory, que por suas experiências traumáticas na infância, aprendeu a passar despercebida, acreditando fortemente que só sobreviveria ao mundo se permanecesse em silêncio para sempre. Agora, anos depois, adotada por um casal que está disposto a lhe dar muito amor, Mallory está reaprendendo a viver. E lhe é imposto um novo desafio: sobreviver ao último ano do Ensino Médio em uma escola de verdade. Logo no primeiro dia, Mallory acaba reencontrando seu melhor amigo de infância, que cresceu com ela no mesmo lugar e presenciou todos os acontecimentos que fizeram Mallory ser a pessoa fechada que é. Mas é com essa gradativa reaproximação que Mallory vai percebendo que talvez ela não seja a única com cicatrizes daquele passado tão assustador. Para ler a resenha completa, clique AQUI.

08º lugar: Um gato de rua chamado Bob - James Bowen

Este livro também ganhou seu espaço por sua história real e cativante de amizade e superação, que nos ensina que a luz na nossa vida pode vir de quem menos esperamos. E também, claro, porque fala de gatos! E eu sou suspeitíssima para falar, porque para mim os gatos são as criaturas mais incríveis do mundo. "Um gato de rua chamado Bob" conta a história de James - sim, o próprio autor - quando ele vivia um período muito complicado da sua vida. Viciado em drogas e gastando quase todo o seu dinheiro para alimentar seu vício, James ia levando uma vida sem planos para o futuro. Até que um dia, voltando para seu pequeno apartamento, ele encontra em sua porta um pequeno gato laranja. James acaba, depois de certa relutância, acolhendo o animal. Mas o que ele menos imaginava era o quanto sua vida mudaria pela simples presença de Bob junto a ele. Para ler a resenha completa, clique AQUI.

07º lugar: Herdeiro de Sevenwaters - Juliet Marillier


O quarto livro da coleção Sevenwaters, uma das minhas queridinhas do ano e que vocês vão encontrar muito por aqui, no meu TOP 10. O que eu gostei muito nos livros dessa autora, que eu também não conhecia antes deste ano, foi o fato de que ela cria histórias de fantasias cheias de misticismo e lendas do norte da Europa. E "Herdeiro de Sevenwaters" gira muito em torno de uma das mais famosas lendas da região. Nele, temos a história de Clodagh (Clóda), filha do lorde de Sevenwaters, que precisa cuidar do mais novo irmãozinho até que a mãe se recupere do parto difícil. Até que em um dia, de forma inesperada, o bebê é raptado e em seu lugar é deixado um monte de ramos e folhas que somente Clodagh consegue ver que tem vida - e que é um bebê dos seres místicos da floresta, deixado no lugar de seu irmão. Ela então precisará viajar até o mundo místico para resgatar o herdeiro do seu reino. Para ler a resenha completa, clique AQUI.

06º lugar: A menina feita de espinhos - Fabiane Ribeiro

Este nacional sem dúvidas não poderia ficar de fora do meu TOP 10. Há muito eu queria ler este livro, mas somente agora tive a oportunidade e, pela fase em que me encontro na minha vida, só posso dizer que o li na época certa, pois foi imensamente mais emocionante agora. Kat é uma menina que precisa viver isolada do mundo por sua rara condição epidérmica. Kat nasceu com a pele inteiramente revestida por erupções semelhantes a espinhos e que expelem uma substância que só não é tóxica a ela. Sendo assim, ela nunca pôde ter contato físico com ninguém por toda a sua vida. E este livro narra de forma quase poética o desenvolver de Kat,  as novas descobertas, as primeiras amizades, o primeiro amor, os momentos de alegria, tristeza, o preconceito que sempre cercou sua vida, o modo como ela se vê perante o mundo e sua evolução e aceitação pessoal. Para ler a resenha completa, clique AQUI.

05º lugar: Proibido - Tabitha Suzuma

Este foi um dos livros mais fortes e polêmicos que eu li em 2017, e também um dos melhores que mereceu seu lugar aqui por se tratar principalmente de preconceito, daqueles intensamente enraizados. "Proibido" fala exatamente sobre proibição de formas de amor pela sociedade, que considera fora do aceitável tudo o que não condiz com sua forma de pensar. E por isso que todos que leem este livro dizem que se precisa de uma mente extremamente aberta, livre de qualquer centelha de preconceito da parte do leitor, para poder captar a real mensagem que a autora quis passar. O livro conta basicamente a história de Lorchan e Maya, dois irmãos que, pelas dificuldades que tiveram que enfrentar na vida, acabam se apaixonando - e pelas páginas de "Proibido" teremos os dois lutando contra seus sentimentos mais profundos porque o mundo impôs que o amor entre eles não poderia acontecer. Para ler a resenha completa, clique AQUI.

04º lugar: Os sete selos - Luiza Salazar

Este nacional ganhou o quarto lugar porque faz muito o estilo que eu gosto. A autora fez uma mescla de vários temas que me prendem à leitura. Batalhas entre anjos e demônios, recheadas de aventuras, mistérios e a dose certa de romance! Lara Carver é uma agente secreta cuja missão é investigar e desvendar ataques de origem não humana - ou seja, realizados por forças sobrenaturais na Terra. Mas a sua atual missão é muito mais complicada e exigirá muito mais dela do que a própria jamais imaginou. Para desvendar a série de ataques a templos religiosos pelo mundo, a nossa protagonista precisará contar com a ajuda de duas pessoas que farão deste trio um dos mais improváveis - e apaixonantes - que eu já conheci! Para ler a resenha completa, clique AQUI.

03º lugar: Filho das Sombras - Juliet Marillier

Juliet Marillier está de volta aqui com mais um livro da série Sevenwaters, que não deu para deixar de fora, porque ele foi um dos que me causou aquela ressaca literária por conta de sua história tão intensa e profunda. Neste que é o segundo volume da série, conhecemos Liadan que, assim como sua mãe antes dela, recebe uma provação imposta pelos seres místicos do reino, que começa durante uma pequena viagem em que Liadan acaba por ser raptada pelo grupo de foragidos comandado pelo homem mais procurado de todo o reino, conhecido como o Homem Pintado. "Filho das Sombras" é uma história que fala de magia, amor e destinos entrelaçados, o que faz com que os adoradores do gênero se encantarem logo na primeira página. Há leitores da série que dizem, inclusive, preferir este livro ao primeiro. Eu, honestamente, não sei escolher. Para ler a resenha completa, clique AQUI.

02º lugar: Filha da Floresta - Juliet Marillier


E o próximo, claro, é o primeiro de Sevenwaters! Eu fiquei horas pensando e tentando me decidir qual deles viria em segundo lugar e qual viria em terceiro, foi uma tarefa muito difícil. Mas "Filha da Floresta" ganhou esta posição porque eu me senti mais na história, eu me encantei mais, eu senti mais a presença da magia dos contos de fadas, e eu me apaixonei mais e mais a cada página. "Filha da Floresta" conta a história de Sorcha e sua dura missão para salvar seus irmãos que foram amaldiçoados e transformados em cisnes. Para traze-los de volta à forma humana, ela precisa realizar uma tarefa imposta pelos seres místicos da floresta, em uma jornada que a levará para lugares distantes e remotos onde ela descobrirá novas amizades, novas terras e novos sentimentos, precisando escolher qual caminho seguir, sendo que a escolha de um poderá influenciar drasticamente no outro. Para ler a resenha completa, clique AQUI.

01º lugar: A Filha do Norte (volume 2) - Luisa Soresini


O meu livro mais esperado do ano. O primeiro volume desta duologia nacional ganhou o primeiro lugar no meu TOP 10 do ano passado e sua continuação, pelo nível de sentimentos da história, não poderia receber menos do que o primeiro lugar também. Nossa protagonista Michelle agora vive ao lado de seus tão queridos e amados Vergaminis, mas ela ainda não conseguiu conquistar o coração de Danton, o líder da família. Aliás, seu plano continua o mesmo de antes, eliminar a garota o quanto antes. Porém, seu plano dá errado e a única saída que ele vê é ser obrigado a mantê-la por perto. A maior pergunta que fica na mente do leitor e que me fez devorar este livro foi a de saber se Michelle conseguiria destruir as barreiras do coração congelado deste último Vergamini e conquista-lo da forma como ela o fez com os demais anteriormente. Eu não tenho palavras para descrever, essa é a mais pura verdade. Este livro fechou a duologia com chave de ouro e terminou da forma mais perfeita que poderia ter terminado, e por isso ele é mais do que recomendado por mim! Para ler a resenha completa, clique AQUI.



Os melhores do ano: Gustavo


Minha lista não foi tarefa fácil de escolher, mas depois de pesar muito minhas leituras, consegui fechar meu top 10. Então vamos lá:

10º lugar: Imperfeitos (volume 1) - Cecelia Ahern

Livro cedido pela parceira com a editora Novo Conceito. Representante distópico da minha lista. Você já imaginou se as pessoas vivessem em uma conduta perfeita? Seria a solução, não é? Cecelia Ahern nos mostra que não. O mundo distópico criado pela autora foi incrível e chocante. Amo as emoções que as distopias desencadeiam em nós, leitores, em mim particularmente foram as mais variadas possíveis. Elas nos demonstram que, apesar de muitas coisas necessitarem de mudança em nossa sociedade, tais mudanças precisam ser muito bem avaliadas. À primeira vista uma sociedade "perfeita" é a solução ideal, mas nós seres humanos não somos. Resenha completa, AQUI.








09º lugar: A Traidora do Trono (volume 2) - Alwyn Hamilton


Primeiro representante fantástico (gênero predominante!!! rsrsrs) da minha lista. Segundo livro da trilogia A Rebelde do DesertoEnquanto o primeiro livro focou no desenvolvimento da protagonista, esse segundo nos dá a dimensão exata do conflito político. Enquanto acompanhamos somente os rebeldes no primeiro livro, agora conhecemos as estratégias do Sultão e dos estrangeiros que querem tirar proveito de Miraji. Conhecemos mais profundamente os poderes provenientes dos djins, esses seres imortais. Sofremos as traições, descobertas e perigos com Amani. O livro tem um ritmo muito bom, personagens que não esperávamos ver mais, conflitos em todo lugar, etc. O romance continua sendo apenas uma liga a mais nessa história surpreendente. Resenha completa, AQUI.




08º lugar: Deuses Renascidos (volume 2) - Sylvain Neuvel


Representante da ficção científica da minha lista, cedido pela parceria com a Companhia das Letras, selo Suma de Letras; assim como A Traidora do Trono. Segundo livro da trilogia Os Arquivos TêmisBatalhas entre robôs gigantes, conspirações políticas, busca por respostas genéticas e biológicas, o melhor e o pior do ser humano. São alguns dos quesitos retratados pelo autor nessa eletrizante continuação de Gigantes Adormecidos. Esse ano tem sido particularmente agradável pelo fato dos continuações serem igual ou melhor que seus livros antecessores. Toda a tensão existente no primeiro livro explode e se multiplica nesse segundo! Resenha completa, AQUI.







07º lugar: Sangue por Sangue (volume 2) - Ryan Graudin

Mais um representante distópico da minha lista. Você já imaginou se a Alemanha Nazista tivesse ganhado a Segunda Guerra Mundial? Foi o que a autora apresentou no primeiro livro. A autora elevou e muito o nível da duologia nesse segundo livro. O que era muito bom, ficou excelente! Os personagens merecem destaque. Yael e Miriam foram garotas que perderam sua infância, conviveram com a crueldade humana na sua forma mais sórdida e mesmo assim não se deixaram contaminar. Elas possuem uma fibra e uma coragem invejáveis. Nada as impediu de cumprirem sua missão. Mesmo que isso tenha custado tanto. Resenha completa, AQUI








06º lugar: Six of Crows - sangue e mentiras (volume 1) - Leigh Bardugo

Quem aqui conhece o universo Grisha? Criado pela autora Leigh Bardugo, os grishas são pessoas que nascem com dons especiais : controle do ar, da água, do fogo, do corpo humano, da luz e até mesmo da escuridão. A autora soube criar e desenvolver seus personagens de uma forma cativante. É quase impossível não se afeiçoar a todo o grupo, menos talvez na minha opnião a Mattias ( ele é bem irritante e chato as vezes! kk). Inej e Nina são arrebatadoras. Elas conquistam o leitor facilmente. Kaz é o típico anti - herói! Suas ações são completamente descabidas e revoltantes, mas não conseguimos torcer contra ele! O universo grisha foi muito bem expandido e trabalhado. Resenha completa, AQUI.




05º lugar: Jantar Secreto - Raphael Montes




Representante da literatura nacional da minha lista. A vida brasileira retratada de uma forma que mesmo que pareça surreal, pode se tornar realidade; se já não existir algo parecido. O autor nos concede um verdadeiro banquete literário. A trama é como um manjar que deixa nosso paladar inebriado. A forma com que ele aguça nossa curiosidade faz com que largar a leitura nos deixe chateados. A crítica que ele emprega é genial. Nos leva a refletir e questionar de que forma temos levado nossa alimentação. É um livro escrito para devorar!!! Resenha completa, AQUI.








04º lugar: The Beauty of Darkness (volume 3) - Mary E. Pearson 


Mais um representante da fantasia. Nos dois primeiros livros acompanhamos a jornada de Lia em descobri quem é, seu papel e sobre seu dom. Agora nesse terceiro livro ela finalmente pode agir sem amarras. E quando ela precisa voltar à sua terra natal para expor e expurgar os traidores que conspiram com o Komizar, ele não hesita. O "dom" impulsiona e mostra a Lia o que ela deve fazer. Somente ela pode trazer a luz as conspirações do Dragão e seus aliados. E ela faz isso de forma magistral, épica! O final do livro está recheado de descobertas, revelações e ações carregadas de emoção. Resenha completa, AQUI



03º lugar: Corte de Névoa e Fúria (volume 2) - Sarah J. Maas

Chegamos ao top 3, e ele todo com livros de fantasia! Meu gênero favorito! Corte de Névoa e Fúria é o segundo livro da trilogia que conta a história de Feyre Archeron. Após adentrar a um mundo de magia e feéricos deslumbrantes, ela é agora uma peça importante na guerra que está por vir.  Rhys que é o Grão Senhor mais poderoso e que lutou pelos humanos na última guerra quer impedir Hybern. E precisará de toda ajuda possível. Logo Feyre se revela uma ajuda indispensável, além do fato de que eles se sentem cada vez mais atraídos um pelo outro. O livro que traz a maior lição de vida de todos os três. Resenha completa, AQUI.








02º lugar: Mistborn - O Império Final (volume 1) - Brandon Sanderson



O mundo está mergulhado em escuridão. Caos domina a face da Terra. Contudo há um herói escolhido que pode salvar a todos. Infelizmente ele falhou. Por isso a mil anos, o mundo é um deserto de cinzas e brumas, governado pelo tirano imperador que se autointitula, o Senhor Soberano. A um bom tempo não lia um livro tão genial. Os personagens são tão bem construídos, que é fácil se imaginar sendo um amigo de longa data de Kelsier. Um personagem carismático, misterioso e extremamente inteligente. Ele planeja tudo nos mínimos detalhes. As coisas que ele põe em prática são de arrepiar. Ações que beiram a insanidade algumas vezes, mas que se provam de uma esperteza inimaginável! Vin é o tipo de personagem que te conquista aos poucos, mas que quando você vê, está completamente apaixonado! O sistema de magia criado pelo autor com certeza foi uma das melhores criações do gênero que já li. Algo completamente diferente de tudo que você possa imaginar. Não é a toa que Sanderson vem sendo praticamente idolatrado pelos amantes da fantasia épica. Resenha completa, AQUI.


01º lugar: Corte de Asas e Ruína (volume 3) - Sarah J. Maas

E o primeiro lugar não poderia ser de outro livro! O livro que fecha a história de Feyre e Rhys. Esse terceiro livro diferente de seus dois antecessores, já começa com as tramas formadas e as coisas acontecendo em todo instante. Feyre terá que superar muitos obstáculos para conseguir a ajuda de seres letais. Seres que podem dar uma vantagem. Claro que foi preciso juntar todas as Cortes para a batalha, algo que foi conseguido após várias discórdias!!! Mas a guerra chega, e com ela o pior massacre que humanos e feéricos já viram. Revelações inacreditáveis, alianças inesperadas, agentes duplos, enfim, o final é repleto de emoções as mais variadas. Resenha completa, AQUI





Os melhores do ano: Carol


5 comentários:

  1. Olá, Marina e Gustavo!
    Dos livros favoritos de vocês, existem dois livros que eu já li: "Um gato de rua chamado Bob" e "Jantar secreto". Sobre o primeiro, eu me apaixonei pela história de superação de James junto com Bob, é um livro incrível com uma mensagem muito bonita, e eu adoro animais, então... Foi uma leitura perfeita!
    E sobre o segundo, "Jantar secreto", também foi um dos meus favoritos de 2017. O autor foi genial ao abordar a temática que abordou, nos mostrou escancaradamente o quanto nós somos hipócritas com relação a nossa alimentação e só enxergamos e damos importância àquilo que nos convém.
    Os outros livros eu não li, então ficaram como indicação.
    Boas leituras para vocês em 2018!
    Um super beijo!
    Thami, Blog Historiar.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Thamiris!
      Concordo absolutamente em tudo com você, em relação a "Jantar Secreto". É genial!!! Quero ler mais livros do autor, assim que possível! Espero que você possa ler algum outro livro que indicamos! Rsrsrsrs... Obrigado! Ótimas leituras pra você também! Beijo!

      Excluir
  2. Olá Thamiris!
    Eu fiquei fascinada pelo forte laço que surgiu entre o James e o Bob! Foi lindo de se ver e eu quero muito ler os outros dois que ele escreveu! Sem dúvidas que a história dele é um belo exemplo de onde podemos tirar muitas mensagens de força para a nossa própria vida.
    Que 2018 também seja cheio de ótimos livros para você!
    Beijos

    ResponderExcluir
  3. Olá
    Das listas li somente Proibido e gostei muito. Quero muito ler Imperfeitos. Parece bem bom.
    Um beijo

    Vidas em Preto e Branco

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Lary!
      Então Imperfeitos é uma ótima distopia! Se você gostar do gênero, vai amar a leitura! Beijo

      Excluir

Gostou do post? Deixe seu comentário, dúvida ou sugestão! Volte sempre! :)

© Blog Leitura Virtual - Por Carol Mariotti - Todos os direitos reservado. Cópia proibida. Tecnologia do Blogger.